Umas das poucas coisas que não podem nos tirar é o conhecimento. Por isso acredito que este seja o item principal para o empoderamento de verdade. Não que você só terá valor quando alcançar uma graduação, porque nem todo conhecimento é acadêmico. Mas hoje especificamente vou falar sobre a graduação em História.

Há dois tipos de graduação: licenciatura e bacharelado. Ao optar por uma licenciatura você será habilitado a dar aulas da matéria em questão, por isso terá aulas de pedagogia, didática, psicologia da educação, filosofia da educação, entre outras.

O curso vai possibilitar uma visão abrangente dos acontecimentos passados e suas diferentes interpretações nos campos social, econômico, político, religioso. Estudar História, basicamente, é aprender sobre as ações do homem através do tempo.

A duração média é de 4 anos. E a maioria dos cursos segue uma linha cronológica, ou seja, você vai começar o curso estudando a Antiguidade Clássica, passará pela Idade Média, Renascimento, Idade Moderna e por fim discutirá temas contemporâneos, já com uma bagagem suficiente para estabelecer relações entre os acontecimentos.

História exige MUITA leitura e capacidade de interpretação de texto. Os autores mais vistos durante o curso são: Marc Bloch, Jacques LeGoff, Jean Jacques Rousseau, Maquiavel, Fernand BraudelFrançois Dosse, Peter Burke, Ciro Flamarion Cardoso, Caio Prado Júnior, Sérgio Buarque de Holanda, Florestan Fernandes, Eric Hobsbawm, entre muitos outros que são apresentados durante o curso - historiador não lê apenas Karl Marx, tá?

Eu optei por ser professora de ensino fundamental e médio, mas quero seguir carreira acadêmica através do mestrado. Talvez mais pra frente eu faça resenhas dos livros que estou lendo para me preparar e coloco mais informações sobre a continuidade dos estudos, o que acham?

"O historiador não é bombeiro nem juiz. Não resgata e não condena. Tenta compreender, criticar, apontar contradições, estabelecer conexões plausíveis a partir de uma argumentação baseada em indícios deixados pelas fontes." (Marcos Napolitano)

5 COISAS QUE TODA GORDA DEVE SABER


Passei minha infância inteira ouvindo coisas como "gorda, baleia, saco de areia" de outras crianças. Apesar do meu tamanho físico eu me sentia pequena diante de um mundo cruel e foi assim até o final da minha adolescência. Naquela época eu queria saber de tudo que sei agora, então se você está passando por tempos difíceis por causa do seu peso saiba de algumas coisas: